Leituras de Novembro e Dezembro.

Para encerrar 2016 com chave de ouro, pelo menos no quesito leitura, já que money que é good nóis num have, vamos relacionar aqui as leituras de novembro e dezembro! Foram meses de poucas leituras, por isso resolvi juntar tudo num post só.

Depois escreverei um post dando uma geral sobre o ano de 2016 para avaliar como foi o meu hábito de leitura. Mas já adianto que arrasei! Nunca segurei uma marimba dessas! Kkkkk!

Continuar lendo

[Maratona 💀] Os Condenados, de Andrew Pyper. [S02E01]

capa-andrew-pyper-condenados.pngOlá pessoal! Hoje começamos a segunda temporada da maratona Darkside, a caveirinha mais amada da literatura. E o primeiro episódio desta temporada já é de cair o cu da bunda quebrar tudo.

Peço desculpas ao leitores mais pudicos, mas não tem como começar a falar sobre este livro sem dizer:

C-A-R-A-L-H-O, QUE LIVRO F-O-D-Á-S-T-I-C-O!

Pronto, acabou a resenha! Brincadeira! Tem mais se você abrir o post completamente.

Continuar lendo

[Maratona 💀] Hellraiser: renascido do inferno, de Clive Barker.

timthumbMuita gente esperou este livro por 30 anos, principalmente aqueles que, como eu, são analfaburros em não sabem muito Inglês. Com a diferença que eu não esperei porque não conhecia a obra de Clive Barker… Hahaha!

Como assim, tio, não conhecia o cabeça de prego? Não sou obrigado!

O segundo livro da Maratona 💀 é o Hellraiser (The Hellbound Heart), conto de Clive Barker que, segundo reza a lenda, durante a todo esse tempo, nenhuma editora quis trazer esse livro para o Brasil por ser assustador demais…

Mas será que é isso mesmo? Veremos! Continuar lendo

O Demonologista, de Andrew Pyper.

demonologista-3d.pngO Demonologista é a história de um professor universitário🎓, especialista em um assunto, que conta com a ajuda de uma mulher💃 também muito inteligente🤓, para desvendar mistérios e ajudar a resolver um grande problema que pode mudar a história do mundo🌎, ou da humanidade ou de uma grande instituição…

Tio! Não! Espera! Mas este não é um livro de Dan Brown para trazer um Robert Langdon!!!

E não é! Mas é impossível não fazer a correlação! Então qual é a diferença?

Continuar lendo